quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Ó cabelo, cabelo meu!


"oh, cabelo, cabelo meu...
tão belo, tão poderoso, tão eu
rebelde às vezes, ás vezes dócil
crespo, liso, ondulado, pichaim
jeitos assim, de qualquer jeito
solto, preso, molhado, cheiroso,
brilhante e macio
cabelo meu
tão belo, tão poderoso, retrato fiel de quem sou eu
comprido como deve ser
curto se ficar melhor
da cor que nasceu
da cor que eu quis
cabelo, de fio a fio, em cada olhar eu vejo um elogio
oh cabelo, cabelo meu
se você não fosse meu, eu não seria tão... EU!"

Desde de a primeira vez que vi a propaganda da natura com essa música fiquei apaixonada! Como certeza eu não seria tão eu se tivesse outro cabelo. Cada preocupação, cada loucura, cada tom de tinta, cada escova, cada progressiva... Talvez nem eu me lembre tudo que já vivemos juntos, não é? Cabelo meu!

A notícia da gravidez trouxe junto a realidade dos meus cabelos brancos (já os tenho pintado há mais 10 anos). Sem pintar, sem fazer progressiva e caindo, além da cara de enjoo que tive da sétima a décima semana vocês podem ter imaginado o que aconteceu? Cara total de desleixo e de acabada.

Resolvi fazer um corte lindo para dar menos trabalho!!! Isso foi há quase um mês e me ajudou a me sentir melhor!

Essa semana começou a chover... e aí vcs já sabem "Ee..Choveu! Cabelo encolheu!!!" Eu, mais que depressa, resolvi comprar uma chapinha e um spray térmico, pois cabelo meu, mesmo que esteja branco, ralinho ou cheião, você sou eu!!




P.S Antes que alguém me fale que eu estava abatida e acabada na foto (que mais parece uma foto 3x4) e me pergunte se eu tinha perdido peso (como meu pai fez) eu explico, tinha vomitado um pouco antes, sim estava, abatida, acabada e 02 quilos a menos! Mas hoje já estou bem melhor. Com a drenagem a boca e o nariz também já voltaram ao normal, na foto da para ver que estavam um pouco inchados.

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

Segundo ultrassom - Translucência nucal

Hoje foi o tão esperado ultrassom "translucência nucal", e mesmo eu estando aparentemente tranquila tive dois pesadelos e algumas palpitações. Deve ser natural essas inseguranças, mesmo que inconscientes.

Quando eu liguei marcando o exame eu pedi uma consulta para terça, que deve ter sido entendido sexta... cheguei lá, super ansiosa e ainda tive que suplicar para ser atendida, minha consulta era sexta e não hoje.

Meu médico não pode me atender e formos atendidos por outro médico, muito bom, mas um pouco seco para o momento. Ouvimos o coração pela primeira vez, vi o bebê como um feto e não como um embrião. Tinha movimentos e feições claras. Quando o médico cutucava o bebê, que estava deitado de lado, ele levantava os bracinhos cobrindo o rosto! Um dia mágico, fiquei completamente apaixonada pelo que vi, é realmente um milagre.

Eu pensava em um bebe aqui dentro, dormindo quietinho e se formando, mas não era nada disso! O bebê se movimentava o tempo todo...

Cheguei em casa e passei o resultado do ultrassom para a minha obstetra e quando ela respondeu falando que estava tudo bem não consegui segurar e chorei... me deu tanta vontade de pegar esse lindo bebê no colo e até o sexo que não me gerava tanta ansiedade fiquei louca para saber.

Se for menino será Gustavo, mas se for menina... não faço nem ideia, todos os nomes que eu gostava coloquei nas minhas bonecas e na minha irmã Carolina, eu que escolhi! Eu gosto de Laura, o nome da minha avó, mas o Luiz prefere Mariana, que também é lindo, mas... Talvez agente chegue em um acordo com Rafaela, Maria Eduarda ou Camila, quem sabe?

Dados do exame: translucência nucal 0,5 mm, 158 BPM, o exame sugere boa evolução.


segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

É melhor rir que chorar!

Ontem passei um pequeno aperto... mas também quem nunca passou? E grávida então!!!

Me fez lembrar de uma crónica verídica de Luiz Fernando Veríssimo. Quando achei a crônica no google vi quão pequeno foi o meu aperto, então para vocês se divertirem um pouco...

Um dia de merda
Luiz Fernando Veríssimo

Aeroporto Santos Dumont, 15:30. Senti um pequeno mal estar causado por uma cólica intestinal, mas nada que uma urinada ou uma barrigada não aliviasse. Mas, atrasado para chegar ao ônibus que me levaria para o Galeão, de onde partiria o vôo para Miami, resolvi segurar as pontas. Afinal de contas são só uns 15 minutos de busão. “Chegando lá, tenho tempo de sobra para dar aquela mijadinha esperta, tranqüilo”. O avião só sairia às 16:30.

Entrando no ônibus, sem sanitários, senti a primeira contração e tomei consciência de que minha gravidez fecal chegara ao nono mês e que faria um parto de cócoras assim que entrasse no banheiro do aeroporto. Virei para o meu amigo que me acompanhava e, sutil, falei: “Cara, mal posso esperar para chegar na merda do aeroporto porque preciso largar um barro”. Nesse momento, senti um urubu beliscando minha cueca, mas botei a força de vontade para trabalhar e segurei a onda. O ônibus nem tinha começado a andar quando, para meu desespero, uma voz disse pelo alto falante: “Senhoras e senhores, nossa viagem entre os dois aeroportos levará em torno de 1 hora, devido às obras na pista”. Aí o urubu ficou maluco querendo sair a qualquer custo. Fiz um esforço hercúleo para segurar o trem merda que estava para chegar na estação ânus a qualquer momento. Suava em bicas.

Meu amigo percebeu e, como bom amigo que era, aproveitou para tirar um sarro. O alívio provisório veio em forma de bolhas estomacais, indicando que pelo menos por enquanto as coisas tinham se acomodado. Tentava me distrair vendo TV, mas só conseguia pensar em um banheiro, não com uma privada, mas com um vaso sanitário tão branco e tão limpo que alguém poderia botar seu almoço nele. E o papel higiênico então: branco e macio, com textura e perfume e, ops, senti um volume almofadado entre meu traseiro e o assento do ônibus e percebi, consternado, que havia cagado. Um cocô sólido e comprido daqueles que dão orgulho de pai ao seu autor. Daqueles que dá vontade de ligar pros amigos e parentes e convidá-los a apreciar na privada. Tão perfeita obra, dava pra expor em uma bienal. Mas sem dúvida, a situação tava tensa. Olhei para o meu amigo, procurando um pouco de solidariedade, e confessei sério: “Cara, caguei”.

Quando meu amigo parou de rir, uns cinco minutos depois, aconselhou-me a relaxar, pois agora estava tudo sob controle. “Que se dane, me limpo no aeroporto” – pensei. “Pior que isso não fico”. Mal o ônibus entrou em movimento, a cólica recomeçou forte. Arregalei os olhos, segurei-me na cadeira, mas não pude evitar e, sem muita cerimônia ou anunciação, veio a segunda leva de merda. Dessa vez, como uma pasta morna. Foi merda para tudo que é lado, borrando, esquentando e melando a bunda, cueca, barra da camisa, pernas, panturrilha, calças, meias e pés. E mais uma cólica anunciando mais merda, agora líquida, das que queimam o fiofó do freguês ao sair rumo à liberdade. E depois um peido tipo bufa, que eu nem tentei segurar, afinal de contas o que era um peidinho para quem já estava todo cagado. Já o peido seguinte, foi do tipo que pesa. E me caguei pela quarta vez.

Lembrei de um amigo que certa vez estava com tanta caganeira que resolveu botar modess na cueca, mas colocou as linhas adesivas viradas para cima e quando foi tirá-lo levou metade dos pêlos do rabo junto. Mas era tarde demais para tal artifício absorvente. Tinha menstruado tanta merda que nem uma bomba de cisterna poderia me ajudar a limpar a sujeirada. Finalmente cheguei ao aeroporto e, saindo apressado com passos curtinhos, supliquei ao meu amigo que apanhasse minha mala no bagageiro do ônibus e a levasse ao sanitário do aeroporto para que eu pudesse trocar de roupas. Corri ao banheiro e, entrando de boxe em boxe, constatei a falta de papel higiênico em todos os cinco.

Olhei para cima e blasfemei: “Agora chega, né?” Entrei no último, sem papel mesmo, e tirei a roupa toda para analisar minha situação (que conclui como sendo o fundo do poço) e esperar pela minha salvação, com roupas limpinhas e cheirosinhas e com ela uma lufada de dignidade no meu dia.

Meu amigo entrou no banheiro com pressa, tinha feito o “check-in” e ia correndo tentar segurar o vôo. Jogou por cima do boxe o cartão de embarque e uma maleta de mão e saiu antes de qualquer protesto de minha parte. Ele tinha despachado a mala com roupas. Na mala de mão só tinha um pulôver de gola “V”. A temperatura em Miami era de aproximadamente 35 graus.

Desesperado, comecei a analisar quais de minhas roupas seriam, de algum modo, aproveitáveis. Minha cueca joguei no lixo. A camisa era história. As calças estavam deploráveis e, assim como minhas meias, mudaram de cor tingidas pela merda. Meus sapatos estavam nota 3, numa escala de 1 a 10. Teria que improvisar. A invenção é mãe da necessidade, então transformei uma simples privada em uma magnífica máquina de lavar. Virei a calça do lado avesso, segurei-a pela barra, e mergulhei a parte atingida na água. Comecei a dar descarga até que o grosso da merda se desprendeu.

Estava pronto para embarcar. Saí do banheiro e atravessei o aeroporto em direção ao portão de embarque trajando sapatos sem meias, as calças do lado avesso e molhadas da cintura ao joelho (não exatamente limpas) e o pulôver gola “V”, sem camisa. Mas caminhava com a dignidade de um lorde.

Embarquei no avião, onde todos os passageiros estavam esperando “O RAPAZ QUE ESTAVA NO BANHEIRO” e atravessei todo o corredor até o meu assento, ao lado do meu amigo que sorria. A aeromoça se aproximou e perguntou se precisava de algo. Eu cheguei a pensar em pedir 120 toalhinhas perfumadas para disfarçar o cheiro de fossa transbordante e uma gilete para cortar os pulsos, mas decidi não pedir: “Nada, obrigado. Eu só queria esquecer este dia de merda!”

quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Propaganda - calcinha 100% algodão

Desde a minha primeira consulta com a obstetra venho batendo cabeça com o tema calcinha! Ela me falou que usar calcinha 100% algodão na gravidez é muito importante... Nesse dia comecei a saga das calcinhas. Até que meu incrível marido me deu a brilhante sugestão... Ligue para a Paulinha (que me indicou a médica e teve o parto com ela) e pergunte onde ela comprou a calcinha!!!

Foi a minha primeira caça ao tesouro, a Paulinha me falou onde era a loja e lá fui eu... isso já faz 06 meses! Cheguei na loja e... "-Moça, você tem calcinha 100% algodão? a resposta é sempre a mesma, CLARO, tem várias... e na hora que olho a etiqueta... forro 100% algodão e corpo 95% algodão! Explico que preciso que ela seja TODA 100% algodão e as vendedoras (falo as vendedoras porque foi o mesmo discurso em várias lojas) tentam me convencer que está escrito 95% porque a calcinha tem elástico na costura. Conto até uns 250 milhões para não perder a paciência e explico que não é assim! Nessa loja contei que a minha amiga tinha comprado e a vendedora... ah!!! É a calcinha da plie que saiu de linha! Eu suplico para ela procurar alguma e ela, quase que piedosamente resolve me vender o restante das calcinhas que estavam na loja! 01 G e 02 GGs...

Pelo menos ou já sabia da existência uma calcinha, que saiu de linha!!! e assim foi... Várias lojas, vários restos de estoque e eu já tinha uma boa quantidade daquelas calcinhas tamanho G e GG com a cara da vovó!!!

Pensei até em abrir uma fábrica de calcinhas 100% algodão, mas meu marido concluiu que se eu não achava era por que as pessoas não compravam... e por isso as fabricas não fabricavam.

Me indicaram a Lupo e a Hering, mas nada! Na Hering existe um kit com 03 calcinhas, a da foto, que além de serem horrorosas têm o elástico grosso e machucam, ainda bem que pela cara eu já vi que não ia gostar e comprei apenas um kit!

Liguei para várias lojas e nada... Até que ontem fui comprar mais uns soutiens sem aro e sem bojo para usar por 24 horas na Valiser e SURPRESA!!! Na hora que eu estava indo embora a vendedora me pergunta: - E calcinha? respondo que só posso usar 100% algodão e ela me fala que tem uma ótima!!!! Eu, descrente do assunto, esperei até ela me trazer um tanto de calcinhas com o fundinho 100% algodão, mas não!!! Eram calcinha toda 100% algodão... Claro que comprei apenas 02, pois já tenho umas 30 plies gigantes estocadas!!! Mas fica a dica para quem quiser e precisar usar calcinha 100% algodão, no site da Valiser eu não achei, inclusive achei o site péssimo! Mas na loja tem e custa R$ 23,90 cada. Eu queria colocar a foto para vocês verem como ela é linda, mas ficou péssima!

quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Sugestão - Um lindo presente


Semana passada eu e meu marido fomos padrinhos de crisma da minha querida prima - Ana Laura!

Eu tenho uma lista infinita de favoritos no computador, com vários tipos de temas e assuntos... até cores de sombras, dicas de maquiagem e como dobrar lençol de elástico, além de váaaarias receitas guardadas!

Me lembrei de uma excelente opção de presente católico e a escolha estava feita. Um lindo e delicado livro personalizado de orações que ainda vem com espaço para escrevermos... assim você não vai precisar de guardar um monte de papel anotado dentro da bíblia. Eu gosto de ter uma listinha com alguns nomes que rezo sempre, claro que não me esqueço de quem são, mas assim ficam ali protegidos... A Ana Laura já estava duas vezes na listinha. A primeira por ser minha prima e a segunda porque fui madrinha de casamento dos pais dela, tenho essa lista especial de afilhados!

O livrinho é feito a mão pela Eleanor, na cor que você escolher e vem com uma plaquinha de prata gravada o nome do presenteado... Um mimo! São mais de 60 orações ilustradas!!!


Espero que vocês gostem da dica. Eu amei!

P.S As fotos foram retiradas do site http://eleanor.com.br/quem-somos eu pensei em tirar algumas na hora da Crisma, mas era tanto louvor (graças a Deus) que não conseguimos esperar a crisma acabar completamente, pois um bebê em formação dá muito sono!!!

domingo, 24 de novembro de 2013

Shantala - Eu amo massagem e você?


Shantala é um livro escrito pelo médico e professor aposentado da Universidade de Paris, Frédérick Leboyer. Ele nós fala e mostra em uma linguagem clara e lúdica a importância da massagem para os bebês através de uma cena presenciada em Calcutá na Índia. Onde uma mãe, chamada Shantala massageia seu pequeno bebê com toda a simplicidade e sabedoria que existe em uma mãe.

"A massagem dos bebês é uma arte
tão antiga quanto profunda.
Simples, mas difícil.
Difícil por ser simples.
Como tudo que é profundo."
Frédérick Leboyer

O livro ensina o passo a passo de uma massagem completa que deve ser feita do primeiro ao quarto mês de nascimento, mas é claro que você não precisa parar no quarto mês... Esse período é fundamental pois é quando a criança ainda não se movimenta sozinha e a massagem a ajudará a se sentir melhor, retirando aquela sensação de mal estar de quem só fica deitado, praticamente sempre na mesma posição. Mas por que esperar um mês? Você não precisa esperar um mês para fazer leves massagens no bebê, mas o ideal é não tocar nem na barriga nem no rosto antes disso. Se o bebê tiver com gazes ou intestino preso você pode pressionar levemente as perninhas contra o abdômen algumas vezes, mas massagear ainda não é aconselhado.

Algumas considerações sobre a técnica:
- O bebê deve estar totalmente despido em um ambiente quente, pois ele não deve sentir frio, 24 graus é uma excelente temperatura, e a massagem pode ser feita no sol.
- A massagem deve ser feita com óleo previamente aquecido (nunca use o micro-ondas).
- O óleo deve ser natural e nunca mineral. (No brasil aconselha-se o uso do óleo de amêndoas e o de camomila)
- O bebê deve estar em jejum, ou seja, não pode ser feita depois de mamar.
- O melhor horário é o da manhã, mas pode ser repetida à tarde antes de dormir.
- O ideal é que a massagem seja acompanhada do banho para completar o profundo relaxamento.
- Cada vez a massagem vai sendo mais detalhada e demorada, chegará a ter a duração média de meia hora...

O livro traz uma sequência: peito, braços, mão (adoro massagem nas mãos), barriga, pernas, pés, costas e rostos e depois algumas massagens com movimentos como se estivéssemos torcendo e esticando o bebê. É tudo muito simples e bem explicado, é um livro que recomendo, mas você pode seguir os seus instintos para massagear seu bebê. Meu marido nunca fez nenhum curso ou leu algum livro e nunca recebi massagens tão boas quanto as dele.

"Nutrir a criança?
Sim.
Mas não só de leite.
É preciso pegá-la no colo.
É preciso acariciá-la, embalá-la.
E massageá-la.

É necessário conversar com a sua pele,
falar com suas costas
que têm sede e fome,
como sua barriga."
Frédérick Leboyer

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

1ª consulta do pré-natal


Ontem foi a minha primeira consulta de pré-natal e antes mesmo dela começar já estávamos com as emoções a flor da pele. Minha obstetra atende dentro da maternidade e enquanto estávamos esperando duas gestantes chegaram para o parto. Uma delas andava calmamente com as pernas quase abertas, respirando pausadamente, parecia que estava colocando em prática tudo que aprendeu sobre respiração e tranquilidade... Mas a outra chegou literalmente quase parindo... gemia, gritava, fazia força e cara de pânico! A pressão do meu marido começou a cair e eu comecei a chorar... A única coisa que eu conseguia imaginar era eu ali me preparando para ter o meu bebê, imagino que esse sim deve ser um momento único, nada comparado a notícia do positivo ou a qualquer outra! Deve ser a razão maior da nossa existência!

Na hora da consulta antes de perguntarmos qualquer coisa a médica foi pouco a pouco nos falando sobre a gravidez.

Sono e cansaço:
Estamos gerando uma vida, o bebê até a 16ª semana está sendo formado e isso gasta muita energia. Mesmo quando estamos deitadas estamos fazendo um bebê... por isso esse cansaço o tempo todo, essa moleza no corpo. O metabolismo fica a mil e a progesterona nas alturas... Perdi peso mesmo comendo muito bem.

Pele e cabelo:
É normal a pela da grávida ficar mais ressecada, por isso é muito importante uma boa hidratação e beber muita água. Segundo a Dra. durante a gravidez o cabelo não perde nem os fios que perderiam normalmente (comigo não está assim, estou quase careca) e que quando o bebê faz 03 meses todos aqueles cabelos que seriam perdidos pouco a pouco diariamente caem...

Atividade Física:
Para quem já pratica atividade física e tem a liberação da médica pode continuar, eu não estou dando conta, fiz algumas poucas aulas de hidro e 10 min de esteira a 3km/h são suficientes para trazer a sensação que corri uma maratona! Depois de 03 meses vou tentar fazer ioga e body balance, e quem sabe não consigo voltar para o ballet!

Seios:
O ideal é hidratar bastante os seios, sem passar creme na aréola. Tomar sol nos seios por 10 minutos e depois do banho passar a toalha. Como o meu já cresceu bastante a médica me aconselhou a dormir de soutien.

Exames e acompanhamentos:
O pré-natal é mensal e alguns exames serão feitos dos os meses como toxoplasmose, glicose, TSH, T4 e hemograma. Depois de formado o bebê começa a absorver o ferro da mãe para utilização e também para armazená-lo, já que o leite materno não contém ferro. Conclusão: é importante ter uma alimentação bem nutritiva e tomar vitaminas sintéticas se necessário. O bebê como armazena ferro para os primeiros seis meses de vida pode ser alimentado exclusivamente com leite materno durante esse período.

Enjoo e mal estar:
O excesso de hormônios de líquidos dentro do organismo trazem juntos uma estranha sensação de mal estar que pode minimizado se a gestante se alimentar a cada 02 horas, não misturar sólidos com líquidos e evita alimentos que contenham farinha branca, polvilho ou açúcar.

Prisão de ventre:
É uma queixa comum entre as gestantes pois o intestino não faz os seus movimentos peristálticos usuais durante a gestação. No meu caso, como estou bebendo muita água e comendo muita fruta não tive problemas. Mas a Doutora aconselha supositório de glicerina, minha sugestão é comer bastante mamão, ameixa seca e beber muita, muita água.

Humor:
Ela delicadamente falou ao meu marido que uma gestante vive um TPM avançada e mudanças no humor são normais e devem ser recebidas com muito amor e paciência do companheiro! Eu até estou mais tranquila, mas valeu o recado...

Meu exame foi muito bom, eu e o bebê estamos bem, minha pele está bastante hidratada e ela me sugeriu fazer acupuntura e drenagem para aliviar o inchaço e as tensões.

P.S. Drenagem só deve ser feita antes de 16 semanas se seu médico autorizar e por um profissional bem qualificado.

P.S.2. Quando ao floral, que comentei no post passado, me ajudou bastante. Ainda não estou 100%, mas já estou bem melhor.

Foto: www.mustela.com.fr

segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Floral, será que vai resolver?


Há exatamente uma semana estou péssima... Meu corpo não está entendendo o que tem acontecido com ele e não está aceitando a ideia do slow motion... Eu que sempre fiz mil coisas ao mesmo tempo e quase tudo a 220 km/h agora estou lenta, sonolenta e dorminhoca...

O problema é que meu corpo está acostumado ao movimento... e ficar deitada é quase um suplicio! Não tenho posição, já briguei com a cama e com o travesseiro.... Minha orelha dói quando deito e o mal estar aumenta.

Sábado resolvi passar uma mensagem para a minha médica, pois parecia que eu estava com algo preso na garganta (tipo um arroto que não sai), pensei em tomar algo para a azia, mas a sugestão dela é DRAMIM B6, socorro! Tenho trauma de dramim e só de pensar em tomar algo que vai aumentar o meu sono, prefiro continuar passando mal!

Hoje de manhã conversando com minha querida prima que acabou de ter bebê ela comentou que colocou umas gotinhas de floral na banheira... um estalo!!! FLORAL, como não pensei nisso antes?

Eu já tenho 02 anos de casada e quase metade de tudo que tenho ainda está na casa da minha mãe, dentro de caixas, pois ela já se mudou algumas vezes e minhas coisas já foram e voltaram... E meus livros de florais? Onde estão?????

Resolvi encomendar o Rescue enquanto não acho meus livros, para ver se melhoro um pouco.
O Rescue é a combinação de 05 flores usado para casos de emergência (Rock Rose: traz calma e coragem, Impatiens: ajuda a acalmar as ideias, Cherry Plum: para manter o controle, Star of Bethlehem: devolve o reconforto e Clematis: retira essa sensação de confusão trazida pelos enjoos). Como meus livros estão fazendo falta! Lembro que em um deles tinha um capítulo inteiro sobre gestação e seus males...

Talvez eu devesse acrescentar Walnut na formula, me ajudaria a superar todas essas mudanças, mas deixa para uma segunda dose!

Estou louca para começar a tomar o rescue e ver o resultado, sempre percebi resultados imediatos em mim e nas pessoas ao meu redor que tomavam florais. Agora é esperar a minha mãe trazer para mim, pois como tenho tido tonteiras acho arriscado sair dirigindo por ai!

Para quem quer conhecer um pouco mais sobre os florais no site do Dr. Edward Bach tem uma parte toda em português.

Foto retirada do site: http://www.bachcentre.com/pt/florais_bach/index.php

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

A encantadora de bebês - EASY, do nascimento até 06 semanas

Seguindo o conselho de uma amiga estou aproveitando agora para ler os livros interessantes sobre bebês e anotar tudo importante para ser colocado em prática daqui a pouco!


Segundo o livro encantadora de bebês de Tracy Hogg e Melina Blau, a criança, assim como qualquer animal ou ser humano precisa de uma rotina para organizar-se... E como preparar essa rotina?

Fácil (ou difícil), não tem segredo e o livro traz o passo a passo mastigado. Basta decorar essa sigla EASY, ou seja Eating (alimentação), Activity (atividade), Sleep (sono) e You (você), para mim vai ser mais fácil me concentrar em MAMAR, MOVIMENTAR E DORMIR!!!

Uma outra sugestão do livro é fazer anotações sobre o bebê, anotações diárias. Horários que mamou, dormiu, acordou, sentiu cólicas, chorou, o comportamento das fezes... O melhor é ter um caderno exclusivo para isso. Vai ajudar muito ao pediatra na hora das consultas e você a entender e estabelecer uma rotina para o seu bebê.

Vou separar a postagem de acordo com o tempo sugerido no livro para facilitar a minha vida na hora da consulta.

1ª fase do Mamar, movimentar e dormir - As primeiras 06 semanas

Guia rápido de alimentação*

PRIMEIRO DIA: amamentar 05 minutos em cada seio, sempre que o bebê quiser.
SEGUNDO DIA: amamentar 10 minutos em cada seio a cada duas horas.
TERCEIRO DIA: amamentar 15 minutos em cada seio a cada duas horas e meia.
ATÉ 06 SEMANAS: amamente 45 minutos em apenas um dos seios por vez a cada 2:30/3:00. O bebê deve dormir entre 04 e 05 horas durante a noite, dependendo do peso e do temperamento

Um dia típico de uma criança de 04 semanas (intervalo de 03 horas)

7:00 Mamar
7:45 Trocar a fralda, brincar e conversar com o bebê
8:15 Vista o bebê e coloque-o no berço. Ele pode demorar uns 15 minutos para tirar a primeira soneca da manhã.
8:30 Dormir

10:00 Mamar
10:45 Trocar a fralda, brincar e conversar com o bebê
11:15 Vista o bebê e coloque-o no berço, segunda soneca da manhã
11:30 Dormir

13:00 Mamar
13:45 Trocar a fralda, brincar e conversar com o bebê
14:15 Vista o bebê e coloque-o no berço
14:30 Dormir

16:00 Mamar
16:45 Trocar a fralda, brincar e conversar com o bebê
17:15 Soneca rápida por uns 45 minutos, para que o bebê descanse antes do banho
17:30 Dormir

18:00 Mamar, primeira refeição robusta (mais detalhes na pág 96 do livro)
19:00 Dar banho, vestir o pijama e cantar uma canção de ninar.
19:30 Dormir

20:00 Mamar, segunda refeição robusta e coloque-o diretamente no berço

22:00 Mamar, refeição dos sonhos. Você alimenta o bebê com luz apagada até ele adormecer. Estimule a o lábio inferior do bebê com o dedo mindinho antes de oferecer o seio, para estimular a sucção. Depois de mamar o bebê estará tão relaxado que você poderá colocá-lo no berço sem arrotar.
 
* Esse guia é sugerido no livro para bebê que pese 2,6 Kg ou mais no nascimento. O Livro traz também a sugestão de quantidade para a mamadeira e como lidar com problemas como prematuridade, icterícia, peso da criança ou outros problemas relacionados à amamentação.

Observação do livro: O EASY NÃO funciona à noite. Depois que você dá o banho no bebê e o coloca para dormir, basta verificar se ele tem bastante pomada contra assadura no bumbum. Não o acorde para fazer atividades. Se ele acordar com fome, alimente-o e coloque-o de volta para dormir. Não troque nem a fralda, a menos que o ouça fazendo cocô ou sinta o cheiro.

Observação minha: Acho que vou querer dar banho no bebê de manhã também, pelo menos para mim, o banho de manhã me deixa mais disposta.

sexta-feira, 8 de novembro de 2013

1º ultrassom - 06 semanas


Ontem fizemos o primeiro ultrassom e estamos esperando um bebê, sim apenas um! é uma sensação estranha pois o baby é ainda tão pequeno... 3mm, parece uma pedrinha de brilhante (foi assim que definiu o médico) achei uma definição alegre e delicada! Pois não há nada mais precioso que um filho.

Estou tão acostumada a ver os bichinhos tendo filhotes, as plantas florindo e crescendo, mas quando é comigo não acho tão normal assim! Parece mágico uma sementinha de 3mm poder crescer... e um dia ter vontades e características próprias. É PLENO, É MÁGICO, É A VIDA, CRESCENDO DENTRO DE MIM.

Vamos agora a parte técnica, o bebê tem 06 semanas, 3mm e já está com 108 batimentos por segundo, não ouvimos o coração ainda, mas o aparelho já detecta a pulsação. Ouvi o famoso barulho do útero. Hoje acabei de saber que existem aplicativos para celular que reproduzem esse som ajudando a acalmar os bebês na hora de dormir.

Segundo o laudo do ultrassom o saco gestacional se encontra íntegro com trofoblasto homogêneo (não me pergunte o que é isso, não faço ideia), apresentando em seu interior saco vitelino e eco embrionário com BCE presentes (108BPM), CCN de 3mm, correspondendo a gestação de 06 semanas. Ou seja, parece que está tudo bem. Com 16 semanas já é possível saber o sexo do baby... então agora é só esperar e ficar mais quietinha até o bebê completar 03 meses!



 

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Vitamina D - outra vez

No Globo repórter de 25 de outubro fui mais uma vez convencida a tomar sol, com protetor solar no rosto é claro! Além de fornecer ao organismo a quantidade necessária de vitamina D ele é muito importante para nos sentirmos vivos!


Eu estava devendo mais um post sobre a Vitamina D, eu já tinha falado um pouco mais sobre a Vitamina D, mas ainda não tinha comentado aqui no blog o resultado do exame de sangue após tomar o suplemento da vitamina.

O primeiro exame foi feito em 27/05/13 a vit estava 17,2 ng/ml, ou seja, deficiente. Em 03/06 comecei a tomar 08 gotas de Depura pela manhã e em 28/06, a tomar capsulas de óleo de fígado de bacalhau... Até tomei sol alguns poucos dias, mas acredito que o resultado seja responsabilidade do óleo de fígado com o único frasco de DePura que tomei. O exame de 13/08/13 foi excelente, 30,9 ng/ml, suficiente!!!


O Globo repórter fala que além da vit D ser responsável pela absorção do cálcio ela também ajuda na prevenção de alguns tipos de câncer, e outras doenças como diabetes e doenças autoimunes. Segundo a reportagem, a falta de vit D em crianças pode causar o raquitismo.

A reportagem é ótima, mas não concordo com o médico quando perguntam quem deve fazer o exame para checar a vit D. Minha resposta seria: TODO MUNDO DEVE CHECAR SE O NÍVEL DE VITAMINA D ESTÁ ACIMA DO RECOMENDADO!

Continuo tomando as capsulas de óleo de fígado de bacalhau, agora em quantidade menor. Em um mês farei novamente o exame para ver se é suficiente um pouquinho de sol associado ao óleo de fígado de bacalhau.

sábado, 2 de novembro de 2013

Como nasce a inteligência - Revista Isto é 28/08/13


Indo para a minha segunda lua de mel recebo da aeromoça a revista Isto é com a seguinte chamada na capa "Conheça os fatores que, desde a vida uterina até os primeiros anos após o nascimento, irão influenciar o nível do QI para o resto da vida - Saiba o que fazer para que seu filho seja mais inteligente."

Achei a matéria bem interessante e deixei a revista guardada para reler o artigo quando eu engravidasse.

A reportagem nos traz resultados de pesquisas que revelam que a alimentação e inclusive a obesidade dos pais geram impacto na inteligência das crianças, mas e agora? o que fazer?

A vida uterina e os primeiros anos de vida são decisivos para a evolução do intelecto. Eu sempre amava a frase da Dra. Gillian McKeith "Você é o que você come", mas amei mais ainda a frase da Pat, do crianças na cozinha "Você é o que seus pais comem" e faz todo sentido!

Segundo a reportagem, o que as mães devem fazer?

1- Ingerir pelo menos 150 mg de iodo por dia. Onde está presente o iodo? Cabeça de frango, bacalhau, salmão, leite, ovo, bacon, rim..

2- Manter taxas adequadas de vitamina D, estou tomando o óleo de fígado de bacalhau e pretendo manter até depois que parar de amamentar, fazendo os controles através do exame de sangue, é claro!

3- Controlar o peso antes da gravidez e durante também!

4- Praticar atividade física moderadamente, consultando sempre o médico primeiro (em alguns casos é aconselhado que até o terceiro mês a mamãe fique mais quietinha).

5- Aumentar o consumo de proteína durante a gestação (eu aumentei quando virei tentante).

6- Consumir ômega 3 na gestação e fornecê-lo à criança como parte da alimentação na primeira infância.

7- Prolongar o aleitamento. Nos testes de QI, os bebês que mamaram por mais de seis meses obtiveram desempenho 30% superior.

8- Aumentar  o tempo de sono durante a gestação e também o período de sono do bebê (amei esse item, tenho morrido de sono depois do almoço).

9- Estimular o contato da criança com animais de estimação, o Du agradece!

10- Procurar um médico antes de tentar engravidar para se planejar, tomar ácido fólico e checar como estão os hormônios da tireoide. Essa dica é minha e não da revista, mas a considero essencial.

Reportagem de Capa da revista Isto é 28/08/2013
 


quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Como me preparei para engravidar

Desde que começamos a tentar achei que estava grávida! Quando a menstruação chegava eu achava que era nidação rsrsrs... Li isso um milhão de vezes no baby center!!!

Nesse último mês meu marido perguntou: - Você acha que está gravida? e eu respondi que era a primeira vez que estava tranquila e não sentia enjoos. No dia da menstruação chegar fui fazer omelete para o café da manhã e fiquei com nojo do cheiro de ovo... e nada mais! Tive muita vontade de tomar leite (mesmo tendo intolerância à lactose, tomei e não me senti mal) e comer maracujá.

Passou um dia, dois dias... e nada! O Luiz queria comprar o exame de farmácia (pois eu estava com dificuldades anormais de acordar pela manhã), mas como eu não queria me frustrar resolvi esperar mais um pouco. Me programei para fazer o exame na segunda e assim foi feito!


Recebi vários e-mail de parabéns e inclusive de pessoas me pedindo dicas pois acharam que foi tudo muito rápido! Tenho várias dicas sim, algumas que me deram e outras que eu mesma tirei da minha cabeça. Vou compartilhar aqui, mas lembre-se sempre NÃO SOU MÉDICA, posso estar falando bobeira..., mas deu certo para mim!

MINHAS PREPARAÇÕES PARA ENGRAVIDAR
- sempre tomei anticoncepcional por 11 meses e pulei 01;
- 06 meses antes de tentar engravidar comecei a tomar ácido fólico e cortei o anticoncepcional;
- procurei uma médica e fiz todos os exames necessários (procurei também um endócrino, um pneumologista e minha tia que é cardiologista);
- na primeira consulta com a obstetra ela fez uma manipulação do endométrio, o que provavelmente ajudou muito;
- Regulei a vit D (estou devendo um post sobre isso);
- regulei a tireoide;
- fiz ultrassom para ver se estava tudo bem;
- tomei geleia real EU E MEU MARIDO;
- tomamos óleo de fígado de bacalhau puro, e verdade, e não emulsão scoth;
- Comemos castanhas todos os dias (variando castanha do pará, amêndoas, pistache, castanha de caju, avelã e macadamia);
- maneirei nas atividades físicas;
- NÃO FIZ DIETA, mas me alimentei muito bem (muitos ovos, carnes gordas, salmão, frutos do mar, frutas e verduras);
- tentei comer muito ovo e muito iogurte (eu e meu marido, inclusive tive que rebolar... ele tem um pouco de implicância com ovo por causa do colesterol então caprichei nos bolos de iogurte, omeletes, massas caseiras e panquecas! Até farofa que eu nunca tinha feito entrou para o cardápio.*;
- Depois de namorar eu não levantava, nem para fazer xixi...;
- Proibi o Luiz de guardar o celular no bolso;
- e o mais importante de tudo entreguei a gestação para Nossa Senhora de Fátima, para Nossa Senhora das Graças e para Nossa Senhora desatadora dos nós. Sei que são todas a mesma pessoa, a mãe de Jesus. Mas são maneiras diferentes de manifestar o amor incondicional materno.

Agora é fazer tudo que a médica mandar!
- Me alimentar bem, inclusive tomei suco de laranja com beterraba no café da manhã (odeio beterraba, mas faz bem para o baby), comprei até batata doce para comer no almoço... Sempre compro coco para beber a água, amo! E me falaram que é um excelente alimento durante a gestação.


- Maneirar nas atividades físicas! Como torci 02 vertebras no dia de voltar de Miami estou afastada do ballet e não sei se poderei voltar. Comecei na segunda-feira a fazer hidro e começo essa semana a musculação para reforçar a musculatura das costas (bem levinha)! Vou manter o pilates, fazer bastante alongamento e continuar a Ioga, mas agora com mais frequência. Comprei o DVD de Ioga para gestantes e a Dani aconselhou esperar o terceiro mês para começar.

* Algumas pessoas me perguntaram por que tanto ovo. Me lembro da minha avó falando com alguém que é bom o homem comer gemada e como sempre achei o ovo um alimento forte e saudável, segui a dica!!!

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Estou grávida!

Estou escrevendo esse mini-post para dar a notícia em tempo real! Fiz o resultado hoje de manhã, depois de uns 05 dias de atraso! E o resultado acabou de sair. Obrigada a todos pelo carinhos e pelas orações! Depois escrevo com mais calma...

Aproveitando a data: São Judas Tadeu, rogai por nós!

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Lista de enxoval - parte 02


No post Lista de enxoval coloquei vários itens que já comprei para o bebê, segue a continuação da lista!

BANHO
03 toalhas de banho com capuz - 100% algodão, provavelmente precisarei de mais uma, mas acho que quando o bebê for bem pequenino vou enxugá-lo com fralda mesmo.
*01 banheira com pé, ou balde de banho
Sabonete de banho para o baby - provavelmente usarei o GH de barra, o mesmo que uso no banho.
Brinquedinhos de banheira, não comprei nenhum pois minha mãe já me deu uns patinhos!
*termômetro de banheira, mesmo com várias mães me falando que nunca usaram, não quero correr o risco de acostumar o baby à água muito quente...

ALIMENTAÇÃO - pós peito
01 copo com bico 4+
02 copos com bico 6+
02 copos com bico 12+, todos da Avent
01 pratinho térmico
20 colheres de silicone para papinha. sim!, 20 é um exagero!, mas comprei o kit com 20 por menos que uma única colher me custaria aqui no Brasil.
08 babadores laváveis de plástico
04 pratinhos kids
04 copinhos kids
*Cadeira para alimentação
Potinhos diversos BPA free (para congelar eu uso apenas potes de vidro!)
*Kit inox com pratinho, copinho, colher, garfo e faca (achei o da Tramontina lindo)

*Esses itens ainda não comprei

OUTROS ITENS QUE FALTAM PARA COMPLETAR MINHA LISTA
Roupa de cama
Kit de higiene e limpeza do bebê
almofada em U para amamentar
Sling
Canguru
mobile para o berço
Bebê conforto adaptável ao carrinho + Cadeirinha para carro com haste fixa + Moisés + Carrinho (provavelmente comprarei algum da Quinny, prometo fazer um post inteiro sobre carrinhos depois)
Protetor de carrinho para não estragar o banco do carro (em inglês, car seat protector)

COISAS QUE FALTAM PARA FUTURA MAMÃE
Concha para seios (li maravilhas sobre elas, mas tomara que eu não precise usar)
Soutien para amamentação
03 pijamas com botão para ajudar na amamentação noturna (comprei em uma super promoção da Victoria Secret's)









quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Chá de inhame e enjoos


Conforme escrevi anteriormente, resolvi tomar o chá de inhame para dar uma mãozinha à sorte! Mas infelizmente não consegui beber direitinho, conforme a receita indicava...

Comecei a tomar no dia 30 de setembro (sétimo dia do ciclo) e tomei apenas por quatro dias, tive muito enjoo, apesar de achar aquele chazinho bem gostoso, com um sabor bem leve de inhame no fundo.

Primeiro dia:
Acordei, preparei e chá, bebi em jejum e não senti nada.

Segundo dia:
Acordei, preparei o chá, bebi em jejum e depois do almoço eu estava levemente enjoada e tive dor de cabeça quase o dia todo.

Terceiro dia:
Acordei, preparei o chá, bebi em jejum e passei muito mal o dia todo, era um enjoo sem fim. Na hora da fisioterapia nem consegui fazer todos os exercícios...

Quarto dia:
Já acordei passando um pouco de mal e deixei para tomar o chá no meio da tarde. À noite fomos a um velório e fiquei péssima, fiquei muito abalada e não consegui saber se todo o mal que senti era apenas por causa do velório ou se o chá estava também era responsável.

Quinto dia:
Acordei me sentindo tão mal que não tomei mais o chá.

Realmente não sei se tomar o chá em jejum por três dias surtirá algum efeito, mas assim que eu souber conto aqui!

Foto: http://docematernidadedoce.blogspot.com.br/2013/03/cha-de-inhame-ajuda-na-fertilidade.html

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Lista de enxoval


Sei que esse é um assunto de grande interesse para as mamãe, principalmente as de primeira viagem com eu. Pesquisei com várias pessoas e em vários blogs e acabei fazendo a minha própria lista. Não que seja uma lista fixa, pois não tenho ideia se o baby nascerá no verão ou no inverno, mas é uma lista que imagino ser fácil adequar a qualquer temperatura e ao sexo do bebê.

Coloquei aqui o meu pedido da Carter's que foi minha primeira compra para o enxoval, aqui algumas coisas que comprei na buy buy baby, e aqui as sugestões das lojas que mais gostei, e agora a lista dos itens que comprei.

ROUPINHAS

02 sapatinhos de 0 a 3 meses
02 sapatinhos de 3 a 6 meses
06 paninhos de boca (combinando com as roupinhas)
15 cueiros que podem também ser usados como mantas
03 luvinhas de recém-nascidos
11 babadores de pano
06 babadores impermeáveis

Tamanho RN (em inglês new born, NB)
04 Bodys manga longa
04 blusas de manga comprida com botão
07 bodys manga curta
02 macacões manga longa (sei que precisarei de mais)
02 conjuntos com 01 macacão, 01 blusa e 01 calça
02 calças com pé
02 calças sem pé
02 Swaddle me*
02 pijaminhas*

Tamanhos 03 meses
04 blusas de manga comprida com botão
05 blusas manga curta com botão
05 bodys manga curta
03 macacões manga longa
04 macacões de manga curta
03 conjuntos com 01 macacão, 01 blusa e 01 calça
02 calças com pé
03 calças sem pé
01 casaco de moletom
01 swaddle me*
02 pijaminhas*
*depois farei um post sobre o pijaminha e o swaddle me, que foram excelentes dicas da famosa Marcelina.

Tamanhos 06 meses
05 bodys manga curta
03 macacões manga longa
01 macacão de manga curta
01 conjuntos com 01 macacão, 01 blusa e 01 calça
02 calças com pé
02 calças sem pé

Tamanho 09 meses
05 bodys estilo regata
07 bodys manga curta
01 macacão manga longa
03 conjuntos com 01 macacão, 01 blusa e 01 calça
01 calças com pé
01 calças sem pé

Tamanho 12 meses
01 calça de moletom
01 macacão de manga longa
01 macacão de manga curta

CREMES PARA ASSADURA
Desitin roxo (maximum level) 02 potes e 04 bisnagas (pois é mais prático para levar na bolsa)
Desitin azul (relief from first use) 02 potes e 04 bisnagas
A+D 01 bisnaga azul e 02 vermelhas
A Marcelina me indicou uma pomada da eucerin chamada aquaphor, mas como não tinha na buy buy baby comprei a maior parte de Desitin e algumas A+D, na verdade eu tinha pensado em usar a pomada de assaduras da Weleda, mas achei absurdo o preço dela aqui em Belo Horizonte.

AMAMENTAÇÃO
Máquina de tirar leite elétrica - Medela
12 vidrinhos de plástico para congelar leite - Medela
3 pacotes com 20 saquinhos para congelar leite - Medela
Ouvi falar que o melhor é comprar os saquinhos da mesma marca de tirar leite, pois têm o encaixe perfeito para cada máquina.
Pomada para amamentar: A indicação era comprar a da Medela, mas não achei e comprei 02 Lansinoh - Lanolina HPA (que é praticamente lanolina e sou alérgica) e 02 Mustela - Bálsamo para lactancia.
200 nursing pads lansinoh (eles são embalados individualmente e podem ser bem distribuídos na mala, algumas mamães acharam 200 pouco e outras muito, eu só saberei a quantidade adequada para mim quando for utilizar).
12 nursing pads laváveis - para quem está se perguntando o que é nursing pads é absorvente de peito!
Bolsa quente/fria para os seios, frio é calmante e quente ajuda o leite a descer. Comprei da marca Avent.

MAMADEIRAS E BICOS
Os kits de mamadeira são acompanhados de bicos 1m+, que são desnecessários para quem quer amamentar exclusivamente. Mas depois de conversar com uma pessoa muito querida ela me convenceu que no calor, o bebê que não estiver abaixo do peso deve tomar um pouco de água sim... São muitas coisas para resolver e acho que o ideal é não se preocupar com tudo fora de hora.
Comprei 02 kits de mamadeira e alguns bicos avulsos
kit 01: 02 mamadeiras 9oz/260 ml, 03 mamadeiras 4oz/125 ml, escova de lavar mamadeira, se você não for comprar o kit o ideal é comprar a escova da marca da mamadeira, por causa do formato.
kit 02: 05 mamadeiras 9oz/260 ml, que são as mais usadas
Bicos para mamadeira, cada caixinha vem com 02 que pode ser usado na mamadeira ou no copo:
0m+
3m+ (02 caixinhas fluxo normal e 01 caixinha do fluxo variado)
6m+ (03 caixinhas)
adaptador preventivo de cólica (01 caixinha)
tampas avulsas de mamadeira (02 caixinhas)
Disco selador de mamadeira (01 caixinha)
Bicos: mesmo sem saber ainda se quero ou não dar bico para o bebê, segui o conselho da Camila e comprei 02 kits com 02 cada, pois é melhor dar bico que o bebê chupar o dedo. Eu peguei sem escolher os bicos e acabei pegando aqueles que brilham no escuro, segundo a querida leitora Carol os que brilham são os melhores pois podem ser achados na cama sem precisar acender a luz, fica a dica!

OUTROS ITENS IMPORTANTES
comprei a cadeirinha fisher price que o bebê se balança sozinho, achei melhor não comprar a que balança sozinha.
Babá eletrônica com visão noturna e retorno de voz da Summer. Melhor relação entre custo e benefício.

Para não ficar muito grande o post depois acrescento os itens de alimentação e as coisas que ainda não comprei, mas que já estão na minha lista.

Espero ter ajudado!






terça-feira, 1 de outubro de 2013

Lindo texto - autor desconhecido


"Respire. Você será mãe por toda a vida. Ensine as coisas importantes. As de verdade. A pular poças de água, a observar os bichinhos, a dar beijos de borboleta e abraços bem fortes. Não se esqueça desses abraços e não os negue nunca. Pode ser que daqui a alguns anos, os abraços que você sinta falta sejam aqueles que você não deu. Diga ao seu filho o quanto você... o ama, sempre que pensar nisso. Deixe ele imaginar. Imagine com ele. As paredes podem ser pintadas de novo, as coisas quebram e são substituídas. Os gritos da mãe doem para sempre pra sempre. Você pode lavar os pratos mais tarde. Enquanto você limpa ele cresce. Ele não precisa de tantos brinquedos. Trabalhe menos e ame mais. E, acima de tudo, respire. Você será mãe por toda a vida. Ele será criança só uma vez."

Lindo texto, de um autor desconhecido, recebido pela queria Tia Luiza!

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Chá de inhame

Participo do baby center e já li vários tópicos sobre o chá de inhame. Fiquei pensando se eu ia tomar ou não, mas na sexta recebi o e-mail da Iara falando que essa seria a despedida do inhame na cesta pois já estamos no fim da safra (parece até que estamos falando de moda, mas com as frutas e legumes é assim também.... temos produtos para cada estação).

Não resisti, fui buscar a cesta em Santa Tereza e começo a tomar o chá no dia 30! Em um dos tópicos do baby center 17 mulheres ficaram gravidas tomando o chá...

Receita do chá (retirada do site baby center)

Ferva a casca de um inhame em 250 mls de água por no mínimo 05 minutos, coe e beba meio copo em jejum por 07 dias, do 7º ao 14º dia do ciclo. O chá deve ser preparado a cada dia!

Segundo o tópico o chá estimula a produção dos ovários e prolonga o período fértil.
Efeitos colaterais: náuseas, diarreias e vômitos.
Contra indicação: crianças, gestante e pessoas com disfunções intestinais.

OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: Eu não consultei nenhum médico, apenas li sobre o chá no baby center e resolvi tomar, o que não é o mais indicado! CONSULTE SEMPRE SEU MÉDICO.









domingo, 22 de setembro de 2013

Enxoval nos EUA - buy buy baby e dicas da Marcelina

 

Estava dividindo os item para fazer os posts e a Buy buy baby merece um post inteiro...
A loja tem TUDO! Tive a sorte de receber no dia anterior a ligação da Marcelina que além de entender tuuuuudo de enxoval e ter um lindo baby (que já está rapaz agora), mora nos Estados Unidos. Graças a Deus, pois se não fosse ela não conseguiria escolher metade do que comprei. A loja que fomos foi a de Coral Springs, por ser mais perto de fort Lauderlade, mas depois fiquei sabendo que é a melhor e maior que há na região de Miami. Se você quiser pode comprar praticamente tudo lá, reserve pelo menos um dia inteiro...

Dicas da Marcelina

Babá eletrônica - (baby monitor) ela me recomendou a da marca Summer que tem o melhor custo benefício, já existe a opção touch, mas não sei se justifica pagar mais caro por isso. Essa que escolhemos você consegue ver o bebê no escuro, tem zoom, gira e tem talk-back (te possibilita falar com o bebê).



Máquina de tirar leite - (breastpump) Marca Medella, eu comprei a elétrica, ela tem a manual e gosta muito. Como o Luiz já comentou, existe elétrica, manual, para um seio ou para os dois! Importante: comprar o potinhos e saquinhos de congelar leite da mesma marca.



SwaddleMe - é uma roupinha que o bebê fica apertadinho como dentro de um pacotinho, os recém-nascidos costumam acordar muito pois assustam com os próprios movimentos do corpo e usando o swaddle me eles ficam apertadinhos, assemelhando um pouco a segurança que tinham quando estavam na barriga.



Mamadeira - A Marcelina me indicou as da marca Tommee Tippee, a mesma que meu vizinho já havia nos indicado. Parece que o bico dela é o mais parecido ao bico da mãe, como não achei na buy buy baby comprei as da AVENT mesmo, seguindo ela a pequenininha 4 oz/125 ml é a que menos usamos, mas é bom ter alguma, comprei dois kits de mamadeiras, além dos bicos, fiquei com 03 pequenas e 06 grandes 9 oz/260 ml. Uma outra dica importante é comprar também a escovinha própria da marca para lavar a mamadeira.

Bicos para mamadeira - Acho que foi a melhor de todas as dicas, eu iria chegar na loja, ver aquela quantidade de bicos e... não comprar nenhum! Existe bico para todas as idades e em várias vazões, seguindo a sugestão da Marcelina comprei de todos os tamanhos e todas as vazões.

Babador de plástico com avental - Excelente opção de babador, pois não precisa ser lavado toda vez, pode ser limpo apenas com um paninho úmido e depois pode ser colocado na máquina.



Fotos: http://www.buybuybaby.com/











quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Fazendo o enxoval em Miami - Parte 01 roupinhas unissex

Mil desculpas pela demora em postar, mas cheguei de viagem com 02 vértebras torcidas!!! Na hora de ir embora do hotel, como o vôo era cedo e eu não queria ter problemas com o GPS, resolvemos sair mais cedo, mas não tinha carregador de malas disponível (diz a recepcionais que tinha, mas esperamos mais de 20 min e nada!). Adivinhem o que aconteceu! Resolvi não esperar mais, para não correr o risco de perder o voo, fui no lobby busquei um carrinho e empurrei as malas sozinha... Por isso tanta demora para postar, mas prometo que pouco a pouco vou escrever sobre toda a viagem!

Antes quero falar que o intuito da viagem não era as compras, isso foi apenas uma consequência, a viagem foi uma segunda lua de mel para comemorarmos os nossos dois anos de casados.

Pesquisei com várias pessoas e em vários blogs sobre as melhores lojas para se comprar roupinhas unissex e como falei no outro post sobre enxoval a melhor opção era a Carter's. Fui advertida para comprar a maioria das coisas pela internet pois na loja nem sempre é possível achar tudo unissex. Eu, bem obediente, comprei quase tudo unissex que achei no site. Dividi as opções por tamanhos para que eu tivesse umas 04 opções de roupa para cada idade.

Nossa viagem foi para Fort Lauderdale, pois é um lugar que meu marido quer me levar desde que começamos a namorar. Mas não poderia ser melhor, as melhores lojas estão mais perto de lá do que de Miami!!! A princípio nossa programação era ficar realmente de férias e deixar a parte de compras para os 03 dias finais que ficaríamos em Miami. Mudamos os planos e dedicamos 02 dias às compras.

1º dia de compras: Sawgrass Mills - Um outlet bem famoso na região de Miami, um dos maiores!

CARTER'S



Quase desmaiei quando passei na porta da loja, tudo com até 50% de desconto + os 20% de desconto do cupom*, mas eu já tínhamos pedido TUDO pelo site. Entrei na loja e fiquei apaixonada, várias peças masculinas também poderiam ser usadas como unissex, a loja é linda tem um montão de coisas... Mas, graças a Deus, apenas um lindo macacão igual ao que eu tinha comprado pelo site! Fiquei quase meia hora na loja, pequei coisas, devolvi, peguei de novo e saí de lá sem nada... Mas é a minha indicação nº 01, as roupas são lindas e muito baratas, a maioria das peças podem ser usadas coordenadas (macação + babador + manta, calça + body + paninho de boca) uma infinidade de opções. Fiquei louca pelo conjuntinho de tartaruga da vitrine, mas achei melhor só comprar mais coisas quando eu soubesse o sexo. Não quis exagerar

GAP OUTLET



Foi a maior surpresa que tivemos, não vi em nenhum lugar uma atenção especial para a loja, mas quando passei pela vitrine eu quis entrar... E o Luiz não resistiu "Mas você não acabou de falar que só vai comprar roupinhas quando souber o sexo?" Comecei a pegar um tanto de roupa, cada uma mais linda que a outra, tudo exatamente como eu tinha imaginado... Ursinho, corujinhas, listrinhas claras, bolinhas, poá (essa foi em sua homenagem Ana Lima) ... fiquei louca!!! No caminho para o caixa fui mostrando as peças para ele, que me fez devolver mais da metade. Alegou que o bebê morreria de calor dentro daqueles lindos macacões de fleece (e essa para você Camila Brum), como estávamos morrendo de calor acreditei e devolvi aqueles lindos macacõezinhos tão sonhados. Não façam isso!!! Chegando ao hotel mandei as fotos para algumas amigas e as queridas Juls e Camila me perguntaram sobre as roupas de frio. O Luiz até se ofereceu para voltar ao Sawgrass, mas é claro que não eu não quis.

GYMBOREE OUTLET



Amei a loja e os preços, apesar de unissex não ter muitas opções. Comprei 05 peças por pouco mais de 20 dólares enquanto o Luiz me esperava sentado do lado de fora da loja, a bateria masculina é mais seletiva que a nossa!

HARTSTRINGS

Não tinha praticamente nada unissex, mas para meninas tinha um milhão de opções maravilhosas.


JANE AND JACK

Eu estava apaixonada pelo loja pois já tinha visto a coleção pela internet, chegando lá tudo parece ainda mais bonito, mas não comprei NADA! Achei muito caro comparando com as outras... Mas já sei que assim que eu souber o sexo vou escolher uma roupinha bem linda de lá para o baby sair da maternidade (se eu tiver coragem de pagar quase 40 dólares em um lindo macacãozinho que vai durar muito pouco, duvido!)

RALPH LAUREN BABY

Nem fui...

KIPLING

Comprei a bolsa para colocar as coisas do bebê. Havia mais opções de cores e modelos que no Brasil e na própria internet.

P.S. O intuito do blog não é estimular o consumismo, pelo contrário. Mas é irreal o preço que coisas de bebê são vendidos aqui no Brasil e aproveitamos a viagem para economizar.

* A maioria dos outlets nos EUA vendem um livro de descontos, são descontos reais na maioria das lojas, inclusive para as peças que já estão com desconto. Basta retirar o cupom da loja e entregar na hora de pagar. No hotel que ficamos peguei uma revista na recepção e foleando tinha um cupom para retirar o livro de desconto grátis... Dica: pergunte no seu hotel se eles não tem esses cupons.





domingo, 8 de setembro de 2013

Um outro olhar sobre o enxoval - por Luiz Gustavo (meu marido)



Estamos em Fort Lauderdale, Florida, desde o dia 04 de setembro. Neste mesmo dia, após descansarmos um pouco da viagem, fomos ao Sawgrass Mills, um shopping imenso que fica a uns 30 minutos da cidade. Lá se pode encontrar desde lojas mais baratas até grifes internacionais de altíssimo padrão, com a vantagem de várias delas serem “outlets”, com descontos reais que podem chegar a até 50%, talvez mais. Logo de início já fomos às lojas mais indicadas e conhecidas, em especial a Carters. Demos sorte de encontrar roupas boas e baratas lá, mas a boa surpresa foi a GAP Outlet, que estava com excelentes descontos e tinha opções razoáveis de roupinhas unissex, já que em nosso caso não estamos “grávidos” ainda. Justamente por isso a Tati preferiu comprar poucas peças, e deixar o resto para quando o bebê estiver de fato na barriga dela e soubermos o sexo. Pela internet, antes de deixarmos o Brasil, ela comprou alguma coisa, seguindo as dicas de quem disse que nas lojas há poucas opções de itens unissex. Passamos a tarde inteira no Sawgrass e no dia seguinte ficamos mais tranqüilos, curtindo a piscina e o calor insuportável que está fazendo aqui. Ontem, fomos à Buybuy Baby, uma loja tida como das melhores para comprar tudo que se precisa em relação aos babies. Os detalhes das compras, atendimento, preços, entre outros, a Tati contará depois, com todas as dicas, dúvidas e relatos típicos de marinheiros de primeira viagem como nós. Depois de conhecer os milhares de aparatos a que as grávidas e os nenéns têm ao seu alcance e para diversos gostos (e bolsos), me pus a pensar como isso funcionava no tempo de nossas mães e avós. Na hora de escolhermos o carrinho, parecia que estávamos comprando um carro de verdade e decidindo se a opção seria pelo que oferece maior potencia, menor consumo, espaço interno ou design mais bonito. Resumindo, um é leve, mas é caro, outro é bonito, mas acabou, e tem também aquele que é meio frouxo, parece que vai desmontar. Fora o fato de que um deles está em promoção, mas não tem bebê conforto, e os vendedores mal sabem o que é Moisés. Resumindo, entre tantas fichas técnicas tão complexas concluímos que o melhor é tentar comprar na internet, se vai dar certo ou não a Tati conta depois... Voltando ao restante da lista, tem absorvente de peito, bicos de mamadeiras para pouca, média ou alta vazão, máquina de tirar leite para 1 ou 2 seios, elétrica e manual, pomadas de todos os tipos, babá eletrônica com ou sem função “touch”, babador com envelope para não deixar a comida cair, cadeirinha que balança, sutiã para amamentar, brinquedinhos para o berço, entre inúmeros outros itens que nem consigo mais me lembrar. Em certa hora, me sentei no chão para descansar enquanto a Tati escolhia detalhadamente cada um dos acessórios. Se as lojas tivessem um espaço para que os maridos esperassem as esposas iriam vender muito mais! Participei e opinei em tudo, mas em alguns momentos o nível de detalhamento é tão grande que me sinto burro para opinar e preciso relaxar um pouco, mesmo que seja no chão. Depois de quase um dia inteiro lá, esgotados pelo cansaço (compramos boa parte das coisas), ao chegarmos ao carro, o GPS simplesmente apagou. Na hora pensei que o sol estava tão forte que derreteu o aparelho. A conclusão que estou tirando disso tudo é que o prazer de se preparar um filho é imenso, e quando bater um desespero sobre o que comprar, o quanto comprar, se o carrinho X, Y ou Z é o melhor, nada melhor que respirar fundo e conversar com a mãe, avó, tia, ou outro alguém mais experiente que teve filhos há algumas décadas. Saber delas que conseguiram criar bem os filhos, apesar de possíveis dificuldades de tempos atrás e da falta de tecnologia, dará às futuras mamães e papais uma serenidade para planejar da melhor forma possível seus enxovais, dentro das possibilidades de cada um, minimizando a ansiedade natural dessa fase. Afinal, o mais importante é que a gravidez e o parto corram da forma mais tranquila possível e principalmente que o filhote venha com saúde!    

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Cesta orgânica para quem mora em BH

Foto: Leo Lara / www.dahorta.org


Há algum tempo a Keila, nossa professora de Pilates, me passou o contato da Iara que produz vários produtos orgânicos, além de ter disponível também algumas coisas de outros produtores. Fiquei viciada no iogurte, no mel e em vários produtos maravilhosos que peço a cada 15 dias.
Essa semana recebi um e-mail, eles estão com um projeto especial que resolvi compartilhar com quem mora em BH. 

"sabe qual nossa principal motivação para ter nossa horta orgânica? se você pensou o retorno financeiro, errou :)
para nós a alimentação que temos com a nossa horta é nossa maior alegria. comer bem com sabor é tudo de bom!
e gostaríamos que o maior numero de pessoas pudessem ter acesso aos produtos sem agrotóxicos. por isso temos novidade hoje: uma "cesta do agricultor" ..chamamos assim porque é uma cesta com os alimentos que são da época, são aqueles que estão na nossa mesa: alface, couve, azedinha, cheiro verde, batata, cenoura, ervilha torta, tomate e banana por 30,00 - com menos embalagem e que você busca em nosso ponto - rua Divinópolis 121 em Santa Tereza, entre 11 e 13 horas na terça-feira. aliás, qualquer que seja a sua compra você pode buscar em nosso endereço e não paga taxa de entrega, é só combinar conosco... Nesta semana são nove itens: alface, couve, azedinha, cheiro verde, batata, cenoura, ervilha torta, tomate e banana. Tudo isso pelo valor de 30,00."

 Tenho certeza que vocês vão adorar!!!
 

domingo, 1 de setembro de 2013

Purê de cará/inhame

 
Depois que fiz o post sobre papinhas, recebi vários e-mail de pessoas me pedindo mais receitas. Semana passada fiz uma sopinha para mim e acho que será uma excelente papinha quando eu tiver meus bebês. Além de ser muito nutritiva, tem uma excelente consistência para ser dada como parte dos primeiros alimentos.

Eu amo cará desde que me entendo por gente, mas meu marido não tinha o hábito de comê-lo, por isso eu sempre coloco uns pedaços grande na sopa de legumes e quando a sopa fica pronta eu tiro o cará, amasso com um pouquinho de caldo e devolvo para a sopa. A sopa fica mais grossinha, nutritiva e meu marido não reclama.

Sempre ouvi falar que o cará faz muito bem para a pele, nunca li algo científico sobre o assunto, mas na dúvida, como sempre cará!

Purê de cará
Ingredientes:
1/2 quilo de cará sem casca e picado em pedaços médios
1/2 col. de sopa de óleo de coco, pode colocar um pouco menos se o bebê ainda estiver começando a comer.
1/2 col. de chá de tempero caseiro (pode ser substituído por 1/4 de cebola, uma punhado de salsinha e cebolinha e uma pitada de sal)
Caldo de carne caseiro (eu usei caldo de costela)

Modo de fazer:
Refogue bem o cará no óleo de coco com o tempero caseiro. Assim que já estiver dando um caldinho coloque o caldo caseiro e deixe cozinhar em fogo baixo até o cará ficar bem cozidinho. Quando estiver cozido amasse com um espremedor de batata e sirva em seguida.



P.S Como a sopinha era para mim coloquei pimenta do reino moída na hora também! Rendeu dois pratos generosos.




domingo, 25 de agosto de 2013

Dicas de etiqueta para visitar um recém nascido - do Blog Ask Mi

Pesquisando na net algumas dicas de enxoval descobri o Ask Mi e me apaixonei. Essa semana foi publicado um post muito importante. É sobre dicas de etiqueta na hora de visitar um bebê.

Fiquei louca para visitar a Helena, bebê da minha querida Juls, no hospital... e fiquei na dúvida se deveria ir. A última coisa que queremos é atrapalhar alguém em um momento tão único!!!

Pensei em mim mesma, quem eu gostaria que estivesse no hospital, quem eu gostaria que fosse na minha casa... Achei excelentes as ponderações do Ask Mi que fiz um ctrl C, ctrl V para vocês.


“* Devo visitar o baby na maternidade ou quando eles voltarem para casa? Isso vai depender da intimidade que vc tem com a mãe! Se é uma grande amiga sua ou da mesma família, é interessante que vc vá ao hospital, demonstra carinho e amor pelo novo bebê! Mas fique atenta: algumas mulheres preferem não receber visitas enquanto estão no hospital! Procure descobrir antes. Outra dica é não fazer a visita no dia do nascimento.

* Posso levar flores para a mamãe no hospital?  Eu não aconselho. Nem todos os médicos gostam que a parturiente fique com flores no quarto, acreditam que não faz bem à saúde dela e do bebê. Eu, que sou fã de flores, recomendo que elas sejam enviadas para a casa da mamãe e do bebê, assim que ela sair do hospital.

* Quanto tempo deve durar a visita? Se vc não for da família, programe-se para fazer uma visita de "médico". Costumo dizer que um tempo bom é menos de meia hora. Primeiro que tanto a mamãe quanto o bebê devem estar querendo descansar. Além disso, quando a grávida faz cesárea, não é recomendado que ela converse muito, evitando dores abdominais (= gases).

* Qual presente levar? São várias as opções de presentes para nascimento do bebê! Aqui, um fator que conta muito é o que vc está disposto a gastar x o grau de afinidade. Existem vários presentes fofos e com preço bom (fraldinhas personalizadas, pijaminhas, toquinhas, bolsinha térmica, kit necessaire), basta pesquisar. Uma boa dica são os presentes personalizados, que demonstram muito carinho pelo baby. Fique atenta: algumas medalhinhas e brinquinhos de ouro podem ser mais baratos que alguns vestidos ou roupinhas.

* Existe algum horário que seja melhor fazer a visita? Na verdade existem horários que NÃO se deve fazer a visita! Lembro-me de duas visitas que recebi que me marcaram muito pelo horário escolhido: uma amiga que chegou na maternidade às 8:40 do dia seguinte do parto e outra que decidiu ir às 21 hs!! Gente, vamos combinar que ninguém merece receber pessoas nesses 2 horários? Ah sim, é sempre aconselhável enviar uma mensagem no celular do papai ou de alguém da família para avisar que vc está chegando! Se for momento de amamentar, respeite e, mesmo que insistam, fique aguardando no corredor para deixar a mamãe e bebê tranquilos.

* Posso pegar o bebê no colo? Ao menos que a mamãe ou o papai ofereçam, a resposta é NÃO! Nunca peçam para carregar o bebê.

* Se tiver lembrancinhas e docinhos, posso levar? Espere que alguém lhe ofereça, lembrando-se de pegar somente uma lembrança, nada de levar para pessoas que não estejam presentes, a não ser que a mamãe faça questão ou lhe entregue algumas a mais.

* Fique atenta quanto ao teor da conversa e perguntas. Normalmente a mamãe estará cansada e super sensível. Não é o momento ideal para ficar fazendo perguntas sobre o parto, sobre como está sendo a amamentação, tipo do parto ou peso do bebê. A não ser que ela toque no assunto! 

* Higiene e cheirinhos: Antes de entrar no hospital ou maternidade, lave as mãos e, se tiver disponível, use álcool em gel. Deu vontade de pegar na criança? Escolha o pezinho, melhor lugar! Outra coisa, procure não passar perfumes ou hidratantes na hora da visita, isso pode enjoar a mamãe ou deixar o lugar com "seu registro". rs  Ah sim, fique atento  quanto aos cheiros de cigarro ou bebida.”

Dica do dia: Tire SEMPRE a maquiagem antes de dormir



Ontem fomos ao show do Zeca Pagodinho com meu sogro! Excelente show, mas quando cheguei em casa eu estava morta de sono... Como fiel leitora que eu era da revista Capricho, tirei toda a maquiagem antes de me deitar. Confesso que me deu muita preguiça e por isso eu quis colocar essa dica aqui. É muito importante retirar toda maquiagem antes de dormir, para a pele respirar bem durante a noite. Evita envelhecimento precoce, cravos e manchas!

São poucos minutinhos que podem ser decisivos para a saúde da sua pele, principalmente para quem usa maquiagem sempre. Que, hoje, não é o meu caso.

Eu adoro aquele batom da MAC que tem fixação (assim não preciso me preocupar em levar batom na bolsa para retocar) e por isso uso um removedor bifásico para olhos e boca da própria MAC e depois lavo o rosto com água morna com o meu sabão de uso diário mesmo. Já usei muito aquelas toalhinhas com removedores. Gosto muito, mas sempre senti necessidade de lavar o rosto depois para não deixar resquícios de produto na pele.

DEIXA A VIDA ME LEVAR

Eu já passei por quase tudo nessa vida

Em matéria de guarida espero ainda minha vez

Confesso que sou de origem pobre

Mas meu coração é nobre, foi assim que Deus me fez

E deixa a vida me levar (vida leva eu)

Deixa a vida me levar (vida leva eu)

Deixa a vida me levar (vida leva eu)

Sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu

Só posso levantar as mãos pro céu

Agradecer e ser fiel ao destino que Deus me deu

Se não tenho tudo que preciso

Com o que tenho, vivo

De mansinho, lá vou eu

Se a coisa não sai do jeito que eu quero

Também não me desespero

O negócio é deixar rolar

E aos trancos e barrancos, lá vou eu

E sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu

E deixa a vida me levar (vida leva eu)

Deixa a vida me levar (vida leva eu)

Deixa a vida me levar (vida leva eu)

Sou feliz e agradeço por tudo que Deus me deu

Foto: http://zecapagodinho.com.br/site/

Letra: http://www.vagalume.com.br/zeca-pagodinho/deixa-a-vida-me-levar.html